sexta-feira, 22 de maio de 2015

Salada russa com atum e sardinhas em conserva


Para hoje trago mais uma receita saudável e leve para os dias de calor que agora chegam: uma salada russa com atum e sardinhas em conserva.

Receita para 2 pessoas
Grau de dificuldade - fácil
Tempo de confecção - 25 m

Ingredientes

  • 1 cenoura
  • 3 batatas médias
  • feijão-verde q.b.
  • ervilhas q.b.
  • 2 ovos
  • 2 latas de atum ao natural
  • 1 lata de sardinhas em azeite
  • sal q.b.
  • azeite virgem extra q.b.




Confecção

1. Comece por lavar os legumes. Descasque a batata e a cenoura e corte ambas em pequenos cubos. Retire o fio ao feijão- verde e corte-o em pequenos pedaços. Num tacho junte os legumes e as ervilhas, cubra com água e tempere com sal. Leve ao lume e após ferver cozinhe por 15 minutos.

2. À parte coza os ovos.

3. Escorra os legumes cozidos, junte os ovos descascados e cortados em quartos. Junte o atum escorrido e desfeito e as sardinhas. Tempere de azeite a gosto e sirva.

Bom apetite!


quinta-feira, 21 de maio de 2015

Salada de tomate, queijo fresco e abacate



Comer saladas é uma parte importante da nossa alimentação e devem estar presentes a todas as refeições. Experimentar novos sabores e ingredientes também deve fazer parte dos menus. É o caso do abacate. Eu era daquelas pessoas que achava que não gostava do abacate até que um dia fiz um guacamole e apaixonei-me.

Desde então tenho feito várias receitas com abacate e ele tem estado presente em saladas regulamente, pois é fresco, leve e muito saudável.

Perfeito para dietas de redução de colesterol, é também um alimento essencial ao cérebro . E se a questão das calorias do abacate o preocupam, então, não se preocupe, comemos coisas bem piores e cheias de calorias que não têm nada de bom para o organismo como o abacate tem.

Pode abrir o abacate, usar um pouco, regue o que não comeu com sumo de limão e guarde embrulhado no frigorífico. Esta salada serviu-me de almoço leve mas pode servir como salada de acompanhamento.

Receita para 1 pessoas
Grau de dificuldade - fácil
Tempo de confecção - 15 m


Ingredientes

  • 2 queijos frescos
  • 1 tomate
  • massa q.b.
  • abacate q.b,
  • sal e pimenta preta
  • coentros frescos q.b. 




Confecção

1. Aqueça num tacho água e nela coza massa durante uns 10 minutos após levantar fervura. Depois de cozida a massa escorra-a e passe-a por água fria.

2. Coloque a massa num prato. Por cima coloque o tomate, o queijo fresco cortado em fatias e o abacate. Tempere a gosto de sal e pimenta , espalhe os coentros e sirva. 

Bom apetite!







quarta-feira, 20 de maio de 2015

Postas de perca do nilo no forno em manteiga


Mais uma receita simples e fácil de fazer, estas postas de perca do nilo no forno em nateiga, fácil e delicioso.

Receita para 2 pessoas
Grau de dificuldade - fácil
Tempo de confecção - 40 m


Ingredientes

  • 2 postas de perca do nilo
  • sal q.b.
  • 2 hastes de aneto
  • manteiga q.b.
  • azeite q.b.
  • sumo de meio limão





Confecção

1. Tempere o peixe de sal. Pincele um tabuleiro de forno com azeite ( ajudará a que a manteiga não queime). Coloque por cima o peixe e em cada posta coloque umas nozes de manteiga e o aneto.

2. Leve o peixe ao forno ( pré-aquecido 5 minutos antes) a 200º C e cozinhe durante cerca de 35 minutos ou até espetar o peixe e não saírem sucos. Vá regando o peixe com a manteiga ao longo do tempo de cozedura. No final regue o peixe com sumo de limão. Acompanhe com batata cozida, feijão- verde cozido e ovo de codorniz cozido.


Bom apetite!

terça-feira, 19 de maio de 2015

Creme de alface



Uma sopa leve, deliciosa e cheia de nutrientes, perfeita para iniciar uma refeição, este creme de alface é uma surpresa para o paladar.


Receita para 2 pessoas
Grau de dificuldade- fácil
Tempo de confecção - 30 m

Ingredientes

  • 1 alface
  • 3 batatas médias
  • 1 cebola média
  • meio alho francês
  • azeite q.b.





Confecção

1. Lave e corte todos os legumes finamente. Deite num tacho um fio de azeite e leve ao lume com os legumes. Salteie-os por uns 3 minutos. De seguida junte água de forma a cobrir os legumes, tempere de sal e deixe cozinhar por 30 minutos.

2. Passado este tempo triture a sopa a puré , se precisar  junte mais água. Sirva de seguida.


Bom apetite!

segunda-feira, 18 de maio de 2015

Couve - flor gratinada


Comer legumes é importante e deve fazer parte das nossas refeições. Esta receita de couve flor gratinada é uma óptima forma de comer couve flor mesmo para quem não aprecia muito.

Receita para 2 pessoas
Grau de dificuldade - fácil
Tempo de confecção - 45 m


Ingredientes

  • 1 couve-  flor
  • 200 ml béchamel
  • 1 pitada de noz moscada
  • sal e pimenta preta q.b.
  • 150 g queijo mozzarella ralado
  • salsa fresca q,b,





Confecção

1. Lave bem a couve - flor e separe-a em raminhos. Leve-aa cozer em água fervente com sal durante 15 minutos. Retire e escorra bem.4

2. Unte uma forma com um pouco de manteiga e deite nela a couve - flor. Deite por cima o molho béchamel, tempere com uma pitada de noz moscada, pimenta preta e salsa finamente picada. Salpique com o queijo.

3. Leve ao forno a gratinar durante uns 20 minutos ou até estar gratinado. Retire e sirva.

Bom apetite!



sexta-feira, 15 de maio de 2015

Creme de espargos



Começar as refeições com uma sopa é saudável e ajuda a ingerir num só prato imensos nutrientes que tanta falta nos fazem. Além disso, as sopas são reconfortantes e cheias de cor. Esta sopa é deliciosa, fácil de fazer e muito leve. Pode usar espargos em conserva, ou frescos, consoante prefira.

Os espargos demoram 2 a 3 anos  a estarem prontos para colher, o que os encarece e torna-os ainda mais preciosos.


Receita para 2 pessoas
Grau de dificuldade - fácil
Tempo de confecção - 45 m


Ingredientes

  • 1 molho de espargos
  • 3 batatas médias
  • 1 cebola média
  • meio alho francês
  • 1 dente de alho
  • azeite q.b.



Confecção

1. Lave e arranje os espargos. Corte-os depois em pedaços, reserve as pontas. Coloque os espargos( sem as pontas) num tacho com um fio de azeite. Junte a batata descascada e cortada em rodelas finas, bem como o alho francês e a cebola.

2. Leve ao lume o tacho em lume médio e salteie os legumes por uns 3 minutos. De seguida cubra com água e tempere a gosto de sal. Aumente o lume e deixe ferver. Volte a baixar o lume, tape e cozinhe por 25 a 30 minutos.

3. Depois dos legumes cozidos triture então a sopa e se necessário junte mais água. Leve novamente ao lume, junte as pontas de espargos e cozinhe por mais 5 minutos. DE seguida está pronta a servir.

Bom apetite!








Informações sobre espargos 

quinta-feira, 14 de maio de 2015

Alcachofras cozidas com molho de manteiga



Experimentar novos legumes tem sido uma missão cá por casa. Assim desta vez foi a alcachofra que veio para a mesa. Foram feitas simplesmente cozidas e regadas com molho de manteiga, simples e perfeito. É , contudo, um legume de sabor característico que pode não agradar a todos, ainda assim, vale a pena experimentar. A Alcachofra demora a cozer e não é muito fácil de arranjar, ainda assim merece ser experimentada e tem inúmeros beneficios para a nossa saúde.Pode ver aqui como arranjar a alcachofra.


Receita para 2 pessoas
Grau de dificuldade - médio
Tempo de confecção - 35 m


Ingredientes

  • 2 alcachofras
  • sal q.b.
  • 1 c. sopa de manteiga
  • salsa fresca q.b.



Confecção

1. Arranje as alcachofras ( ver aqui como) . Leve ao lume um tacho com água e quando começar a ferver junte as alcachofras e tempere de sal. Deixe cozer por 30 minutos. Escorra-as bem. Derreta a manteiga. Regue-as com a manteiga derretida, salpique com salsa picada e sirva de imediato.

Bom apetite!






quarta-feira, 13 de maio de 2015

Arranjar alcachofras



Comprei umas alcachofras para experimentar. Aí começou a dificuldades, como arranjar as alcachofras? Depois de ver vários vídeos e receitas lá decidi arranjar as alcachofras e publicar aqui um post passo-a-passo de como arranjar as alcachofras para depois as cozinhar.


Comece por cortar a ponta das alcachofras com uma faca bem afiada.



 Com uma tesoura corte todas as folhas da alcachofra.


Corte também o pé e apare-o dos lados com a faca para eliminar a parte rija .Depois esfregue-as de imediato com limão pois oxidam muito depressa. Eu decidi coze-las e serviu-las com molho de manteiga mas pode fazer qualquer outra receita.




terça-feira, 12 de maio de 2015

Filetes de peixe grelhados com salteado de cogumelos e ervilhas - tortas



Dizia-me no outro dia um amigo pescador que não há peixe do mar que não seja bom.  É verdade, compramos muitas vezes o peixe pelo nome, se não conhecemos nem queremos provar. Mas o peixe é realmente todo bom, basta adaptá-lo à receita certa. assim, gosto, sempre que posso, de provar novos peixes. Foi o caso deste peixe que comprei e nunca tinha ouvido falar, peixe relógio.

Na peixaria fizeram-me filetes e ainda trouxe a cabeça e a espinha para fazer uma sopa de peixe. Esta receita pode ser feitas com outros filetes de peixe que se possam grelhar, é uma receita simples, rápida e muito saudável.


Receita para 2 pessoas
Grau de dificuldade - fácil
Tempo de confecção - 25 m

Ingredientes

  • 2 filetes de peixe- relógio
  • sal q.b.
  • óleo de coco Myprotein q.b. 
  • 2 hastes de tomilho
  • 100 g cogumelos brancos
  • 100 g ervilhas - tortas
  • sumo de meio limão




Confecção

1. Ligue o grelhador eléctrico para aquecer. Tempere o peixe de sal. Leve-o a grelhar de ambos os lados até alourar.

2. Leve ao lume o wok para aquecer bem , junte o óleo de coco e deixe que derreta. Junte primeiro as ervilhas e cozinhe-as primeiro por uns 2 minutos, de seguida junte os cogumelos cortados em quartos e cozinhe tudo por uns 10 minutos, mexendo de vez em quando. No final tempere a gosto de sal e com o tomilho.

3. Regue o peixe depois de grelhado com sumo de limão, e sirva-o com as ervilhas - tortas e os cogumelos salteados.

Bom apetite!


segunda-feira, 11 de maio de 2015

Fettucini com frango e cogumelos



Uma massa de vez em quando sabe bem. Leve, fácil e rápida, pode ser um bom jantar e faz-se num instante. Desta vez fiz um fettucini ( comprei para experimentar o de cogumelos da Milaneza )com frango e cogumelos, bom para quem gosta muito de cogumelos.


Receita para 2 pessoas
Grau de dificuldade- fácil
Tempo de confecção - 20 m

Ingredientes

  • 200 g fettucini de cogumelos
  • 100 g cogumelos brancos
  • 1 peito de frango grande
  • 200 ml natas
  • 1 cebola pequena
  • manteiga ou margarina q.b.
  • sal e pimenta preta q.b.



Confecção

1. Leve ao lume um tacho com água e uma pitada de sal. Quando começar a ferver introduza a massa e coza-a por 12 minutos.

2. Limpe os cogumelos com um pano ( nunca os lave) e corte-os em pedaços. Pique finamente a cebola e corte a carne em pequenas tiras.

3. Numa frigideira leve ao lume um pouco de manteiga ou margarina e nela aloure a cebola em lume brando. Junte os cogumelos, aumente o lume e cozinhe os cogumelos até amolecerem. ( se necessário junte mais gordura). Por fim junte a carne e aloure-a na frigideira. Tempere a gosto de sal e pimenta e junte as natas. Cozinhe até ferver, após levantar fervura baixe o lume e deixe as natas engrossarem a gosto.

4. Sirva a massa escorrida com o molho, salpique com manjericão fresco e queijo parmesão ralado.

Bom apetite!






sábado, 9 de maio de 2015

Salada de dois tomates


Porque hoje é sábado trago-vos uma receita mais simples, neste caso uma salada, feita com dois tomates: tomate alongado e tomate kumato. Para quem não conhece o tomate kumato é um tomate preto, de origem espanhola, sabor intenso, polpa muito firme mesmo quanso maduro e mais um óptimo legume para se experimentar.




Ingredientes

  • 1 tomate de cacho
  • 1 tomate kumato
  • sal q.b.
  • azeite virgem extra
  • orégãos secos



Confecção

1. Corte ambos os tomates em rodelas e disponha num prato. Tempere a gosto de sal, orégãos e regue com um fio de azeite. Sirva de seguida.



sexta-feira, 8 de maio de 2015

Bolo de aniversário- Pão de ló com chantily e ananás



Este foi o bolo que fiz para o meu aniversário. A massa é uma receita de pão de ló que resulta sempre, fica sempre fofo e leve. O recheio e cobertura foi chantily e ananás.

Ingredientes
Bolo
  • 7 ovos L
  • 250 g açúcar
  • 150 g farinha  de trigo sem fermento
  • 10 g fermento em pó Royal
  • 1 c. sopa de farinha para polvilhar
  • 1 c. sopa de açúcar em pó

Recheio e cobertura 
  • 1 embalagem de preparado para chantily Royal
  • 1 lata de ananás
  • morangos


Confecção

1. Pré-aqueça o forno ( eléctrico) a 200 º C. Separe as gemas das claras. Junte as gemas com o açúcar e bata com a batedeira até obter um creme fofo e esbranquiçado.

2. Bata as claras em castelo bem firme e de seguida envolva, aos poucos, a farinha e o fermento, envolvendo delicadamente. Em seguida junte ao preparado dos ovos e misture sem bater com uma colher de pau.

3. Unte uma forma redonda com manteiga e polvilhe-a com farinha. Coloque a massa na forma, ligeiramente a cima de meio e leve ao forno durante cerca de 30 minutos ou até verificar que o bolo está cozido. ( faça o teste do palito, espete o palito no bolo, se sair limpo, o bolo está cozido). 

4. Desenforme o bolo em cima de um pano polvilhado com açúcar em pó e vire-o.

5. Deite numa taça 125 ml de leite bem frio. Junte o preparado para chantily e bata meio minuto com a velocidade mínima e de seguida 4 a 5 minutos na potência máxima até obter um creme.

6. Abra o bolo ao meio e pincele-o com a calda do ananás. Cubra com chantily e junte ananás ao pedaços. Coloque a outra metade do bolo por cima e pincele com a restante calda. Cubra todo o bolo com o chantily. Decore com ananás e morangos e leve ao frio pelo menos 2 horas antes de servir.

Bom apetite!



quinta-feira, 7 de maio de 2015

Bacalhau fresco à mediterrânea


O Bacalhau fresco é uma novidade para nós. Somos o país do bacalhau seco, salgado, que se demolha e se cozinha assim. Muitos portugueses nunca comeram ou provaram bacalhau fresco. A realidade é que é completamente diferente do bacalhau a que estamos habituados. Para mim, muito semelhante à pescada, peixe firme, mas sem grande sabor, pelo que o melhor é cozinhá-lo com sabores que se destaquem. Inspiração do blogue Peas and Peanuts  fiz esta receita de Bacalhau fresco à mediterrânea.  Eu tinha dois rabos de bacalhau fresco dos quais fiz 4 filetes. Deixo a sugestão esperando que gostem.


Receita para 2 pessoas
Grau de dificuldade- fácil
Tempo de confecção - 35 m

Ingredientes

  • 4 filetes de bacalhau fresco
  • azeite q.b.
  • 4 tomates alongados
  • azeitonas verdes sem caroço q.b.
  • sal e pimenta preta q.b.
  • coentros frescos q.b.






Confecção

1. Ligue o forno a 180º. C.  Comece por secar bem o peixe com um pano. Tempere os filetes de bacalhau fresco com uma pitada de sal.

2. De seguida disponha o peixe num tabuleiro de forno. Corte os tomates em quatro partes e as azeitonas às rodelas. Disponha tudo à volta do peixe. Regue com azeite a gosto e polvilhe com uma leve pitada de pimentão doce e pimenta preta moída na altura.

3. Leve o peixe ao forno a assar por 25 a 30 minutos Quando faltar uns 5 minutos junte os coentros finamente picados e regue o peixe com o azeite do tabuleiro.

4. Retire do forno e sirva de seguida. Acompanhei com cogumelos assados no forno, couve flor gratinada e batata assada no microondas. 


Bom apetite!

quarta-feira, 6 de maio de 2015

Atum fresco grelhado com pimento



O atum fresco não é algo que agrade a todos, ou se ama ou se odeia. eu sou das que não gosta, mas o marido gosta muito e num destes dias foi o jantar. Foi feito no grelhador eléctrico, mas pode ser feito na chapa. É uma receita saudável e fácil de fazer, perfeita para quem necessita de dietas pobres em colesterol. Acompanhei com feijão- verde cozido e salada.


Ingredientes

  • 1 posta de atum fresco
  • meio pimento encarnado
  • sal q.b.



Confecção

1. Como o atum era congelado no dia anterior coloca-se o atum a descongelar na prateleira inferior do frigorífico. No momento tempera-se de sal. Leva-se a grelhar, cerca de 3 minutos de cada lado, o atum por dentro deve ficar quase cru.

2. Asse também o pimento. coloque-o num saco fechado para acabar de assar ao vapor. Retire depois a pele ao pimento e corte-o em tiras.

3. Coloque no prato o atum, com o pimento às tiras. Regue com um fio de azeite virgem extra e sirva.

Bom apetite!



terça-feira, 5 de maio de 2015

Bacalhau no forno com batata



Um tradicional Bacalhau no forno com batata é a receita que vos trago hoje. Apesar da simplicidade, é uma receita que sabe sempre bem e que de vez em quando gosto de fazer cá por casa. Deixo a sugestão esperando que gostem.


Receita para 2 pessoas
Grau de dificuldade - fácil
Tempo de confecção - 50 m


Ingredientes

  • 2 postas de bacalhau
  • 2 cebolas médias
  • 1 pitada de pimentão doce
  • azeite q.b.
  • 1 dente de alho
  • salsa fresca q.b.
  • batatas para assar q.b.



Confecção

1. Descasque e corte as cebolas em rodelas muito finas. Cubra um tabuleiro de forno com rodelas de cebola e coloque por cima o bacalhau. Pique finamente o alho e espalhe por cima do bacalhau. salpique a gosto com pimentão doce e regue generosamente com azeite.

2. Leve o bacalhau ao forno ( pré-aquecido 5 minutos antes) a 200º C ( forno ventilado)  por 40 minutos. ( quando faltarem 20 minutos introduza as batatas já cozidas)

3. Entretanto, lave as batatas , corte ao meio as maiores e coloque-as num tacho com água e sal ao lume. Após levantar fervura coza-as por 20 minutos. Passado este tempo escorra-as. Coloque-as no tabuleiro do bacalhau, regue-as bem com o molho e leve tudo ao forno até acabar o tempo. Vá regando o bacalhau e as batatas com o azeite enquanto assa. No final, pique finamente salsa e polvilhe por cima. Sirva de seguida.

Bom apetite!